Início / Geral / Agentes da Defesa Civil de Osasco participam de treinamento para desastres naturais

Agentes da Defesa Civil de Osasco participam de treinamento para desastres naturais

Agentes da Defesa Civil de Osasco, em parceria com a WSPA (Sociedade Mundial de Proteção Animal), participaram de um treinamento para gerenciamento de desastres naturais com o objetivo de se tornarem oficiais de ligação, que são profissionais técnicos com perspectiva de atuação estratégica e operacional em área de risco. O intuito do encontro foi capacitar os agentes para que eles possam prover recursos físicos e materiais para a sobrevivência da comunidade local em eventual situação de desastre natural.

O treinamento aconteceu entre os dias 10 e 11 de dezembro, no Hotel Solarium, localizado no Golf Ville, em São Francisco, na cidade de São Paulo. O curso foi ministrado por dois médicos veterinários da Costa Rica, ligados à WSPA.

A gerente de desenvolvimento da organização, Elizabeth Mac Gregor, explicou a atuação da WSPA. “Temos o objetivo de gerenciar a rede de afiliadas para que elas se profissionalizem a cada dia e desenvolvam projetos que alcancem bons resultados”, disse. Elizabeth é responsável pela coordenação de mais de 15 países na América Latina, entre eles o Brasil. A WSPA é uma aliança de organizações com mais de 25 anos e que cuida da proteção e bem-estar animal. A organização, que atua como federação, possui mais de 1 mil Ongs afiliadas em 156 países. No Brasil, são 102 entidades, em 23 estados, incluindo o Distrito Federal.

Elisabeth disse ter encontrado na cidade de Osasco pessoas com perfil ideal para desenvolver ações de gerenciamento de desastres naturais. “Quando nosso diretor da WSPA para o Gerenciamento de Desastres nas América, Geraldo Huertas, veio ao Brasil, nos sugeriu que escolhêssemos alguns representantes de afiliadas no Brasil para darmos um treinamento específico de desastres naturais. Achamos na cidade pessoas que tinham o perfil profissional e pessoal para começarem a trabalhar com gerenciamento de desastres”, registrou.

Alguns dos temas abordados durante os dois dias de treinamentos foram: Etapas Operativas durante Emergência, Avaliação Remota, Avaliação de Danos, Relatórios, Princípios de Biossegurança, Conscientização Pública, Relacionamento com Imprensa, Indução a Fotógrafos e Câmeraman, entre outros.

Para Cecílio Neto Gomes, supervisor do Canil de Osasco, que recebeu o treinamento, a ação é pontual porque visa minimizar preventivamente desastres no município, além de promover o intercâmbio. “Eles da WSPA gostariam de saber como são os trabalhos da Defesa Civil em Osasco, que ganharam destaque com nossas ações positivas de salvamento”, ressaltou, com a característica da Defesa Civil da cidade ser o primeiro grupo paramilitar do Brasil a utilizar o canil para salvamento de pessoas e cães.

Após o treinamento em sala de aula, aproximadamente 15 pessoas foram convidadas pela equipe de Defesa Civil de Osasco para conhecer a estrutura da unidade, situada no Jardim Sindona. Em seguida, os técnicos fizeram uma visita ao Morro do Socó para realizar um exercício de campo e observação. O objetivo da incursão foi estabelecer um estudo de planejamento estratégico logístico e eficiente.

Além disso, verifique

Prefeito Jorge Lapas cria canal permanente de diálogo com a juventude de Osasco

Em um “papo reto”, como ele mesmo classificou, com jovens da cidade, foi criada uma …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEGURANÇA * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.