Início / Geral / Chacina deixa seis mortos e um ferido em Osasco

Chacina deixa seis mortos e um ferido em Osasco

chacina osasco - Foto: EstadãoVítimas estavam em uma viela quando foram atingidas; está é a terceira chacina do ano na Grande São

PauloSÃO PAULO – Seis pessoas morreram e outra ficou ferida em uma chacina no início da madrugada desta sexta-feira, 23, na Favela do Jardim Padroeira 2, em Osasco, na Grande São Paulo. Esta é a terceira chacina do ano registrada na Região Metropolitana de São Paulo. As outras duas foram registradas em Mauá, e seis pessoas já morreram neste tipo de crime neste ano na Grande São Paulo.

De acordo com Ivan Carlos, investigador do Setor de Homicídios de Osasco, ainda não há informações sobre a motivação e os autores do crime. “Os vizinhos só disseram que ouviram os estampidos”, disse. Ele explicou que as vítimas foram atingidas no tórax e na cabeça, aparentemente a curta distância, e que elas provavelmente estavam andando pela viela no momento em que foram baleadas.

No local da chacina, a viela Raio de Luz da favela, morreram Camila Safira Lemos da Silva, de 25 anos, José Marcos da Silva, de 34, e um segundo homem, ainda não identificado, mas que conforme vizinhos se chamaria Marcelo. O estudante David, de 15 anos, chegou a ser socorrido, mas morreu no Hospital Municipal Antônio Giglio. Um homem, ainda sem identificação, foi levado ao Pronto-Socorro Pestana mas também não resistiu aos ferimentos.

T.S.S, de 17 anos, foi internado em estado grave no Hospital Municipal Antônio Giglio, onde passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. A sétima vítima, José Rodivone Assunção de Santana Sobrinho, de 26 anos, está internada no Hospital Regional de Osasco.

A chacina aconteceu por volta das 0h40 e os corpos foram retirados do local às 3h45. As investigações do crime devem ser feitas pelo setor de Homicídios de Osasco e o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Dezessete cápsulas de pistola calibre 380 foram apreendidas pela polícia no local. O investigador ressaltou que, caso alguma testemunha tenha informações sobre o crime, deve fazer uma denúncia anônima por meio do telefone 181.

Via: Estadão

Além disso, verifique

Prefeito Jorge Lapas cria canal permanente de diálogo com a juventude de Osasco

Em um “papo reto”, como ele mesmo classificou, com jovens da cidade, foi criada uma …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEGURANÇA * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.