Início / Serviços Públicos / GCM / GCM de Osasco obtém acesso à Rede INFOSEG

GCM de Osasco obtém acesso à Rede INFOSEG

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Osasco, por meio dos esforços do prefeito de Osasco Emidio de Souza, conseguiu na quinta-feira, dia 27 de outubro, o acesso à Rede INFOSEG (Banco de Dados Nacional usado pela Justiça, Ministério Público, Receita Federal e polícias de todo Brasil). O benefício foi obtido devido ao convênio firmado em 2009 com o Ministério da Justiça, através da Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP). Com isso, a GCM de Osasco consolida uma importante conquista no campo da tecnologia da informação no setor de segurança pública.

De acordo com o comandante Gilson Menezes, a liberação da senha para acessar o banco de dados estava sob responsabilidade da Secretaria de Segurança Pública do estado de São Paulo, que definia a portaria para regras de uso das senhas pelas Guardas Municipais e vinha sendo solicitada pela GCM de Osasco desde 2009. “Fizemos apenas pequenas adequações na documentação entregue ao estado para atender todas as regras da portaria. O convênio é assinado entre os municípios com o governo federal, mas os municípios recebem as senhas via as secretarias estaduais de segurança pública”, explicou Gilson Menezes.

Segundo ele, os benefícios para a segurança de Osasco serão grandes. O comandante fez uma avaliação do novo dispositivo. “Agora teremos mais agilidade no atendimento ao munícipe por parte da GCM, que não irá mais precisar que outras corporações façam o trabalho de pesquisa para nós. A partir de agora o próprio agente da Guarda acessa a Rede INFOSEG e pode repassar ao seu companheiro de trabalho a informação de forma rápida e ágil. Isso evita, por exemplo, que haja possibilidade de algum abuso, constrangimento público ou até mesmo condução do cidadão ao distrito policial de forma indevida”, explicou.

O comandante também falou sobre as estratégias de segurança adotadas a partir do acesso à senha. “Trabalharemos de forma mais tranquila pela agilidade que a ferramenta nos propiciará no dia-a-dia. Em um curto espaço de tempo, nossos agentes reconhecerão veículos suspeitos em áreas públicas e poderão agir com mais eficácia. Neste primeiro momento, também faremos um levantamento de dados referentes à placa de veículos roubados ou furtados e também a identificação de pessoas foragidas e procuradas”, resumiu.

Ele também disse que, no cenário nacional, um número muito pequeno de guardas utilizam a Rede Infoseg e ressaltou o fato da complementaridade do eixo de informações e de fortalecimento da rede de dados referentes ao mapeamento dos índices criminais na região e de segurança pública. “O INFOCRIM e a Rede INFOSEG serão ferramentas interligadas e interatuantes na cidade de Osasco no combate à criminalidade e também no aumento da segurança pública e conseqüente qualidade de vida do cidadão”, completou Gilson.

As senhas serão utilizadas na CGCOM (Central de Gestão Compartilhada em Segurança Urbana) e também no Núcleo de Inteligência da sede da GCM. O acesso à senha é restrito a alguns agentes da corporação mediante análise técnica e perfil profissional. “Podemos posteriormente também auxiliar agentes do Demutran que tiverem problemas em vias públicas, quando exigirem nosso apoio e houver necessidade da senha para verificar alguma condição atípica, faremos a ponte”, finalizou o comandante da GCM de Osasco.

Sobre o INFOSEG

A Rede é uma ferramenta de integração das informações de segurança pública, Justiça e fiscalização, auxiliando também a atividade de inteligência. A partir do seu banco de índices, disponibiliza dados de inquéritos, processos, armas de fogo, veículos, condutores, mandados de prisão, dentre outros, mantidos e administrados pelas unidades da Federação e órgãos conveniados. O acesso à Rede Infoseg é restrito aos agentes nacionais de segurança pública, Justiça e fiscalização.

Além disso, verifique

GCM de Osasco e Polícia Militar apreendem jovens em assalto no bairro Vila Yara

Na terça-feira, 14 de maio, a GCM de Osasco (Guarda Civil Municipal), com o apoio …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEGURANÇA * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.