Início / Geral / Lapas avança negociações com o governo do Estado para urbanização da favela do Areião

Lapas avança negociações com o governo do Estado para urbanização da favela do Areião

O prefeito de Osasco, Jorge Lapas, se reuniu com secretário de Habitação do Governo do Estado, Silvio França Torres, e com técnicos do CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano), na última quinta-feira, dia 18, para agilizar os trâmites da parceria para atender, com projeto habitacional, os moradores da favela do Areião, no Jardim Wilson, na divisa com a Capital.

O convênio, que também conta com a participação do governo federal, vai atender ainda outras famílias cadastradas para inclusão em programas habitacionais pela Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano.

Acompanhado do secretário adjunto da pasta, Álvaro Mello, e pela diretora de Interesses Sociais da secretaria, Cristiane Dutra, Lapas também tratou, na reunião, de outros dois projetos conjuntos entre prefeitura e Estado, voltados às urbanizações das favelas Raio de Luz e do Ribeirão Vermelho.

No caso específico da favela do Areião, a remoção das favelas para moradias dignas, além de garantir melhor qualidade de vida a essa parcela da população, vai permitir a concretização de uma obra viária de abertura de novo acesso de Osasco à Capital, pela marginal do Pinheiros.

O prefeito e o secretário assinaram um Protocolo de Intenções para as próximas fases do convênio. Lapas afirmou ainda que estão avançadas as tratativas com o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, para dar prosseguimento ao projeto no trecho da favela que fica na Capital, prevendo o pagamento, por parte da administração de São Paulo, de bolsa-aluguel para remoção das famílias que ficam em seu território.

Além disso, verifique

Prefeito Jorge Lapas cria canal permanente de diálogo com a juventude de Osasco

Em um “papo reto”, como ele mesmo classificou, com jovens da cidade, foi criada uma …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEGURANÇA * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.