Início / Eventos / Osasco promove seminário sobre a questão indígena

Osasco promove seminário sobre a questão indígena

Seminário osascoCom a presença de antropólogos, professores e representantes da comunidade indígena, evento foi realizado no Centro de Formação dos Professores de Osasco

Com o objetivo de aprofundar a discussão sobre a questão indígena, a Secretaria de Educação de Osasco promoveu na sexta-feira, dia 24, o Seminário “Avanços e Desafios na Educação Indígena”, que vai ao encontro da política de inclusão social implantada pelo prefeito Emidio de Souza. Sob a direção de Marilandia Frazão, coordenadora pedagógica para Implementação da Educação de Diversidade, o evento foi realizado no Centro de Formação de Professores, com a presença de centenas de professores da rede municipal de ensino.

Como palestrantes, o evento contou com a presença do professor e doutor em Antropologia Benedito Prezia, autor de mais de 100 livros sobre a questão indígena; da professora Zoraia Alexandra Zazini, diretora do CECI (Centro de Educação e Cultura Indígena) do Jaraguá; do índio Potiguara, Josimar S Lima, estudante de Letras do Projeto Pindorama da PUC-SP, e do também índio Ivandro Tupã Mirim, do Jaraguá, em São Paulo. Dentre diversos temas, os palestrantes abordaram a situação atual da comunidade indígena brasileira e dos conflitos causados pelas demarcações de terras em todo o país. Durante o seminário, os participantes assistiram um filme sobre a vida, cultura e costumes dos índios Xavante do Mato Grosso do Sul.

O professor Benedito Prezia é o coordenador do Projeto Pindorama, criado em 2001 graças a uma parceria entre a PUC-SP e a Pastoral Indigenista. O projeto viabiliza bolsas de estudos para alunos indígenas de todo o país. “Hoje, fala-se muito sobre conflitos nas demarcações de terras indígenas, porque a mídia passa uma falsa realidade sobre a necessidade das comunidades. Historicamente sempre foi o povo indígena o maior defensor das fronteiras. Parabenizo Osasco por esta iniciativa, pois é o primeiro município a investir no conhecimento da questão indígena no Brasil”, disse Prezia.

Já Marilândia Frazão destacou a importância do seminário para a Educação Inclusiva de Osasco. “Este seminário decorre de uma Escola Cidadã de Osasco, que já vem fazendo, há algum tempo, essa discussão sobre a questão indígena”. A Constituição Brasileira de 1988 reconhece o direito dos indígenas de manter a sua identidade cultural. O artigo 210 da Constituição assegura o direito ao “uso de suas línguas maternas e processos próprios de aprendizagem, cabendo ao Poder Público proteger as manifestações das culturas indígenas”.

“Sendo assim, os princípios legais que norteiam as questões indígenas respaldam a construção de uma nova escola que respeite o desejo dos povos indígenas por uma educação, que valorize as suas tradições culturais, dando acesso aos conhecimentos e práticas de outros grupos e sociedades”, completou.

A secretária de Educação, Mazé Favarão, também prestigiou o evento. Ela parabenizou os organizadores do seminário e desejou sucesso a todos os participantes, além de enfatizar os avanços verificados nos últimos anos na Educação de Osasco.

Além disso, verifique

Gastronomia

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Indústria, Comércio e Abastecimento (SICA) promoverá …

um comentário

  1. Ola , somos o grupo de cultura da educação de Osasco e no dia 16 de abril realizaremos um sarau em homenagem a literatura indigena e a literatura que abordou o tema. Gostariamos de convidar poetas indigenas aqui de São Paulo. VC teria algum contato?

    O Sarau da Educação teve inicio em 18 de abril de 2009 com o tema : Mulheres, homenageando FlorBela Espanca e Cora Coralina. Ao longo de seus temas tivemos variadas manifestações artísticas, como: teatro, danças populares,ballet, dança experimental, exposição de fotos, quadros, lançamento de livros e variados tipos de apresentações musicais.

    O sarau ocorre todo terceiro sábado do mês das 19hs às 22hs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEGURANÇA * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.