Início / Meio Ambiente / Prefeito Emidio concede entrevista à rádio Tupi e participa de Seminário RespirAR da Rede Globo

Prefeito Emidio concede entrevista à rádio Tupi e participa de Seminário RespirAR da Rede Globo

O prefeito de Osasco, Emidio de Souza, concedeu, na manhã de quinta-feira, 25 de agosto, uma entrevista para o programa “Tupi Serviços”, para o radialista e apresentador José Nello Marques, da rádio Tupi AM 1150 Khz. A entrevista foi exibida ao vivo, das 7 às 9h, e também contou com a participação da secretária de Educação de Osasco professora Mazé Favarão.

Durante a gravação, o prefeito falou sobre o acolhimento de crianças em situação de vulnerabilidade e criticou o fato de alguns dispositivos legislativos do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) defenderem a opção de escolha do menor. Emidio também ressaltou o fortalecimento do Conselho Tutelar na reinserção da criança no seio familiar e na ampliação do diálogo feito entre as autoridades públicas em âmbito metropolitano, já que há um estreitamento das fronteiras territoriais entre as cidades. “Todas as cidade têm problemas, mas Osasco as enfrenta e cria inúmeras políticas públicas sociais de qualidade que revolucionam o crescimento da cidade”, disse Emidio.

Questionado, Emidio também falou das condições de tratamento de usuários de drogas e disse que os governos em todas suas instâncias trabalham para diminuir os problemas de brechas na legislação. O prefeito também ressaltou o salto dado no PIB de Osasco, em 2005, da 24ª economia no país, para a 10ª maior, em 2010; além de destacar os preparativos para os 50 anos da cidade.

Dentre outros assuntos abordados, ganharam destaque soluções para o trânsito em Osasco, invasão de terras públicas e formação de áreas livres no país, planejamento familiar e controle de natalidade, pedagiamento no estado, geração de empregos, avanços na educação e a criação de instâncias de governo para discussão em questões pertinentes à Região Metropolitana do Estado de São Paulo.

O programa também contou com a participação do secretário de Defesa Social de Diadema, Arquimedes Andrade; do tenente coronel da PM de Diadema, Luiz Ernesto Melchior Rolandi e do vereador de São Paulo, Gilson Barreto.

Encerramento do projeto RespirAR

Em seguida, o prefeito Emidio participou de um seminário realizado no Teatro da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP), que encerrou o projeto RespirAR (da Rede Globo de Televisão em parceria com a Globo Universidade e a FMUSP), que desde abril de 2011 realizou uma série de mais de 260 reportagens nos telejornais da emissora sobre a poluição atmosférica em São Paulo. O seminário teve como objetivo discutir a qualidade do ar que os moradores das cidades da Região Metropolitana de São Paulo respiram, bem como avaliar as principais causas e consequências da poluição.

O professor Paulo Saldiva, médico titular da FMUSP, foi o primeiro palestrante e falou sobre a “Poluição na Cidade de São Paulo”. A secretária do Meio Ambiente da Cidade do México, Tanya Müller, apresentou o projeto “Ecobici: experiência de transporte individual”. Já o professor Douglas Dockery, da Universidade de Harvard, encerrou o seminário com o tema “Poluição e epidemiologia ambiental”. A apresentação e moderação do seminário foi realizada pela jornalista Flávia Freire, que participou da série RespirAR mostrando projetos inovadores de metrópoles da América Latina.

Participaram também do evento o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, e o governador Geraldo Alckimin, que fizeram a abertura do evento. O encontro também reuniu especialistas em saúde ambiental, poluição e demais representantes dos governos do estado, dos municípios da Grande São Paulo, de organizações da sociedade civil, professores e pesquisadores, além de estudantes de graduação ou pós-graduação nas áreas de saúde, arquitetura e urbanismo, transportes, meio ambiente e comunicação.

“A iniciativa é muito nobre, de colocar em sintonia entidades privadas, lideranças políticas, economistas e a área científica. No entanto, todos nós precisamos entender a complexidade das relações humanas e começarmos a fomentar políticas públicas que atendam aos anseios na busca de qualidade de vida da população”, revelou o prefeito Emidio, acompanhado da secretária de educação professora Mazé.

O prefeito também considerou ser importante olhar com mais atenção para as pesquisas do RespirAR, que mostraram como a poluição compromete a qualidade de vida do paulistano e está relacionada à morte de 4 mil pessoas por ano apenas na capital. “É preciso repensarmos nosso modelo de desenvolvimento e adotar práticas saudáveis para o crescimento sustentável”, comentou.

Além disso, verifique

GCM de Osasco prende cinco homens por crime ambiental

A Guarda Civil Municipal de Osasco (GCM) prendeu cinco homens em flagrante por crime ambiental. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEGURANÇA * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.