Início / Geral / Prefeitura de Osasco firma convênio com AES Eletropaulo para beneficiar famílias com tarifa social

Prefeitura de Osasco firma convênio com AES Eletropaulo para beneficiar famílias com tarifa social

Cerca de 350 colaboradores farão cadastro porta a porta para o CadÚnico, que também é requisito para os projetos sociais do governo federal

A Prefeitura de Osasco assinou nesta segunda-feira, dia 22 de agosto, um convênio com a AES Eletropaulo para realização de cadastramento, porta a porta, de famílias de baixa renda no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais), do governo federal.

A ação faz parte de uma parceria entre a distribuidora de energia e o Ministério de Desenvolvimento Social que deve, até o final deste ano, cadastrar aproximadamente 300 mil famílias. Inscritas no CadÚnico, elas têm direito a pagar tarifa social de energia elétrica e ainda acesso aos programas sociais do governo federal.

A assinatura do convênio foi feita pelo prefeito Emidio de Souza e pelo diretor executivo da AES Eletropaulo, Roberto Mario di Nardo, no gabinete. Durante o evento, a Secretária de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão da prefeitura, Sandra Fae, destacou que a estimativa é cadastrar 12 mil famílias na cidade. “Essa parceria amplia e aperfeiçoa um trabalho já desenvolvido pela prefeitura, que é o de criarmos uma Osasco sem miséria. A partir dessa reunião, vamos definir um calendário para iniciarmos os cadastramentos”, explicou.

Já di Nardo afirmou que essa é mais uma parceria de sucesso firmada entre a empresa e a AES Eletropaulo. E explicou que o projeto surgiu a partir de uma mudança na legislação que define a tarifa social, prevendo a obrigatoriedade de inscrição no CadÚnico para ter acesso ao benefício. “Antes, a concessão tinha como critério o consumo. Agora, é a renda. Então, tivemos a ideia de ajudar as prefeituras a acelerar esse cadastro”, afirmou.

O prefeito Emidio de Souza, por sua vez, lembrou que hoje a parceria entre a concessionária e a prefeitura é baseada na confiança. “É uma situação bem diferente da que encontramos em 2005, quando assumi a prefeitura. Naquela época, essa confiança estava extremamente abalada devido à inadimplência. Renegociamos a dívida, que somava R$80 milhões e, além das parcelas, passamos a pagar todas as tarifas em dia. Com isso, surgiram vários outros projetos, como a modernização do parque de iluminação da cidade, a cessão de espaço sob as torres para o projeto de agricultura urbana e agora o cadastramento para tarifa social”, enumerou.

Ele também lembrou que a medida contempla as políticas sociais desenvolvidas por Osasco, principalmente a urbanização de áreas livres. “Estamos transformando essas áreas em verdadeiros bairros. E quando as famílias trocam seus barracos por conjuntos habitacionais, passam também a pagar as tarifas de água e luz. Mas isso precisa ser feito dentro de suas condições sociais. Por isso, esse projeto é tão importante”, salientou.

Também prestigiaram o evento os secretários municipais de Governo, Jorge Lapas; e de Serviços e Obras, Waldyr Ribeiro Filho; o vereador Valdomiro Ventura; a gestora do Bolsa Família em Osasco, Rosa Almeida; o gerente de novos mercados da AES Eletropaulo, José Luiz Cavaretti; e a diretora de gestão da receita da empresa, Maria Teresa Vellano.

Além disso, verifique

Prefeito Jorge Lapas cria canal permanente de diálogo com a juventude de Osasco

Em um “papo reto”, como ele mesmo classificou, com jovens da cidade, foi criada uma …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEGURANÇA * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.