Início / Geral / Projovem Urbano forma 500 alunos em Osasco

Projovem Urbano forma 500 alunos em Osasco

Parceria entre a prefeitura e o governo federal garantiu a jovens de até 29 anos elevação de escolaridade e formação profissional, abrindo as portas do mercado de trabalho e de um futuro melhor. Sucesso do trabalho é modelo para outras cidades

O dia foi de vitória da seleção brasileira sobre o Chile pelas oitavas de final da Copa do Mundo de Futebol. Mas para um grupo de 500 jovens de Osasco, houve muito mais a comemorar.

Em um Teatro Municipal de Osasco lotado de familiares e amigos, eles receberam, na noite de segunda-feira, dia 26 de junho, o certificado de conclusão do ProJovem Urbano, o que garantiu a abertura de um novo mundo de conhecimentos e também de portas para o mercado de trabalho.

O projeto, desenvolvido em parceria entre a Prefeitura de Osasco e o governo federal, atende jovens de áreas de alta vulnerabilidade social, com idade entre 18 e 29 anos, que tem a oportunidade de concluir, em 18 meses, o Ensino Fundamental e ainda fazer curso de qualificação profissional em três áreas – Alimentação, Turismo e Hospitalidade e Transporte – além de receber um auxílio mensal de R$100 durante todo o curso.

A coordenação é das secretarias municipais de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão e de Educação, que transformaram as experiências de Osasco em modelo para outras cidades.

De acordo com a secretária de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão, Dulce Helena Cazzuni, o município criou, dentro do ProJovem, uma ação inédita no País, o Pró-Criança, que garante assistência aos filhos dos alunos durante o período de aulas. “Para isso, firmamos uma parceria com o Colégio Equipe, um dos mais tradicionais de São Paulo, que cuida desse programa, por meio de uma ação desenvolvida em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente e do Funcad. Esse fator, sem dúvida, contribui para combater a evasão escolar”, disse durante a cerimônia, acrescentando ainda a importância do trabalho em conjunto com a Secretaria de Educação para que os cursos fossem abrigados em 13 escolas da rede. “Esses jovens, em algum momento da vida, foram expulsos da escola por incompetência das administrações públicas e da sociedade. Mas, aqui em Osasco, conseguimos baixar os muros das escolas para acolhê-los”, afirmou.

Dulce disse ainda que Osasco foi a única cidade do Estado de São Paulo a conseguir formar turmas do ProJovem para 2010. “Não só conseguimos, como superamos nossa meta, que era de 700 alunos, e estamos com mil. Por isso, já estamos solicitando sua ampliação ao governo federal”, completou.

Formatura

O evento foi aberto com a apresentação de um vídeo com depoimentos dos alunos sobre a importância do projeto. Dos mais diferentes bairros e com os mais variados motivos para terem deixado os estudos, eles tiveram em comum, conforme mostrou os relatos, uma profunda transformação em suas vidas após passarem pelos cursos. Foi uma ampliação de conhecimento, uma melhor formação escolar mas, acima de tudo, o despertar para a cidadania.

Em seguida, foram iniciados os pronunciamentos, com palavras dos alunos e dos educadores, todos relembrando passagens marcantes do curso.

Já o professor Maurício Pietrocola, representante da FAFE (Fundação de Apoio à Faculdade de Educação), uma das parceiras do ProJovem, falou da alegria em integrar o projeto. “Trabalhamos mais nas questões logísticas e de administração. Mas hoje, aqui, tivemos a oportunidade de ver os resultados desse trabalho, que me deixaram muito feliz”, afirmou.

Já a secretária de Educação, professora Mazé Favarão, parabenizou todos os formandos e falou sobre os avanços da cidade no combate à exclusão escolar. “Felizmente, estamos desenvolvendo, desde o início da administração do prefeito Emidio de Souza, uma série de ações de elevação da escolaridade e combate ao analfabetismo. Nossas políticas públicas já avançaram muito nesse sentido, pois temos a meta de oferecer oportunidades para todos”, completou.

O evento foi finalizado com as palavras do prefeito Emidio de Souza. Ele lembrou que estudar no tempo certo é importante, mas que muitas pessoas, por diversas razões, não podem fazê-lo. “Mas o importante é não desistir nunca e aproveitar as oportunidades que aparecem, como o ProJovem. Na vida, nunca é tarde para começar. Quem não pode concluir a 4ª série encontra as portas abertas não só para concluir os estudos, mas também para fazer um curso profissionalizante”, disse.

Ele também incentivou os alunos a continuarem estudando, pois em breve poderão até prestar vestibular para a Universidade Federal de Osasco, que foi pleiteada pela prefeitura junto ao governo federal. “Ela vai oferecer ensino superior público e gratuito e já começa a funcionar em fevereiro de 2011”, completou.

Os alunos que concluíram o ProJovem são moradores dos bairros: Jardim Conceição, Jardim Santa Maria, Novo Osasco, Jardim D’Avila, Jardim Imperial, Jardim Rochdale, Jardim Santa Rita de Cássia, Jardim Bonança, Munhoz Junior, Vila Prado, Parque Cachoeirinha, Jardim Bandeiras e Vila Jaguaribe. E tiveram aulas nas escolas municipais Professor Renato Fiúza Teles, Oneide Bortolote, Professor Manoel Barbosa de Souza, Luiz Bortolosso, Osvaldo Quirino, Professor Alípio da Silva Lavoura, Professora Olinda Cunha, Messias Gonçalves da Silva, Marina Von Puttkammer Melli, Quitino Bocaiúva, Pastor Josias Batista, Professor Luciano Feliciano Biondo e Professora Etiene Sales Campelo.

Também prestigiaram o evento a deputado estadual Marcos Martins; os secretários municipais Jorge Lapas (Governo) e Waldyr Ribeiro Filho (Obras e Transportes), o comandante da Guarda Civil Municipal (GCM) Gilson Menezes, o presidente da Câmara Municipal de Osasco, Osvaldo Vergínio, e os vereadores Aluísio Pinheiro, Rubens Bastos, Valmir Prascidelli e Rogério Lins.

Além disso, verifique

Prefeito Jorge Lapas cria canal permanente de diálogo com a juventude de Osasco

Em um “papo reto”, como ele mesmo classificou, com jovens da cidade, foi criada uma …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEGURANÇA * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.