Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
Início / Geral / Conselhos de Gestão Compartilhada de Osasco são modelo para o Brasil

Conselhos de Gestão Compartilhada de Osasco são modelo para o Brasil

268 Ulisses Barbosa (4)Grupos, formados por representantes dos pais, alunos, professores e funcionários, ajudam a definir os rumos da Educação nas 134 unidades escolares da rede municipal, em projeto considerado referência pelo MEC

O Teatro Municipal de Osasco, completamente lotado, foi palco para a cerimônia de posse dos Conselhos de Gestão Compartilhada da rede municipal de ensino, realizada na noite de terça-feira, dia 9 de junho.

Os grupos, formados por representantes de pais, alunos, professores, funcionários e direção das escolas, ajudam a definir os rumos da Educação, desenvolver projetos e solucionar problemas em cada uma das 134 unidades escolares da rede.

268 Ulisses Barbosa (2)O evento foi aberto pelo coordenador do projeto, Paulo Sérgio Marcelino, que falou sobre o surgimento dos conselhos, no início da administração do prefeito Emidio de Souza, inicialmente em 49 Emefs (Escolas Municipais de Ensino Fundamental) e sua expansão, a partir de 2007, também para as Emeis (Escolas Municipais de Educação Infantil) e creches. “Chegamos a contar com mais de 4 mil participantes nos processos de eleição”, explicou.

Segundo ele, por seu caráter democrático, o projeto desenvolvido em Osasco é considerado referência, para todo o País, pelo Ministério da Educação (MEC). “Temos muito orgulho disso”, completou.

Em seguida, foi composta a mesa, formada pelo prefeito Emidio de Souza; pela secretária de Educação, Mazé Favarão; pelo deputado estadual Marcos Martins; pelo vereador Valmir Prascidelli, por Paulo Sérgio e ainda por Moacir Gadotti, presidente do Conselho Deliberativo do Instituto Paulo Freire, parceiro da prefeitura no projeto.

Destacando que os conselhos são uma importante conquista da democracia, o prefeito Emidio de Souza deu início aos pronunciamentos. “Essa experiência mostra o nosso compromisso e nossa confiança na gestão democrática da Educação. Fazer de Osasco modelo não é só construir ou reformar escolas. Isso contribuiu, é claro, para um bom ambiente escolar, mas a participação democrática é fundamental”, disse, acrescentando que a posse dos conselheiros mostra como a democracia está viva na cidade.

Já a secretária Mazé salientou que os conselhos são um espaço aberto para a discussão de problemas da escola com a comunidade. “O que fazemos aqui é a verdadeira inclusão, e não só por meio de espaços físicos, garantindo que todas as crianças tenham acesso à escola, mas sim por meio da real participação de todos na vida escolar”, afirmou.

Em seguida, foi feita a posse simbólica de representantes dos 536 conselheiros. O prefeito e a secretária Mazé entregaram certificados para representes de cada um dos setores que formam os conselhos. Pelos estudantes, recebeu o documento Giovana Vasconcelos, da Cemeief Maria Tarsila Fornasaro Melli. Pelos alunos do EJA, foi destacada Ivone Carlos da Silva, da Emef Quintino Bocauiva. Representando os pais de alunos, recebeu o certificado Sandra Bispo Silva, membro do conselho da creche Giuseppa Bersani Michelin. A cozinheira Edileusa Cartaxo, da creche Vilma Catan, representou os funcionários. Agueda Afonso, da Emef Nair Belacosa, foi empossada simbolicamente em nome dos gestores. Já a Professora de Desenvolvimento Infantil Maria de Lourdes Castro, da creche Inês Sanches Mendes, representou os professores.

Além disso, verifique

Prefeito Jorge Lapas cria canal permanente de diálogo com a juventude de Osasco

Em um “papo reto”, como ele mesmo classificou, com jovens da cidade, foi criada uma …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEGURANÇA * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.