Início / Serviços Públicos / GCM / GCM de Osasco frustra roubo a carro, salva criança e idosa e é parabenizada em Rede Nacional

GCM de Osasco frustra roubo a carro, salva criança e idosa e é parabenizada em Rede Nacional

A Guarda Civil Municipal de Osasco (GCM) mostrou mais uma vez sua eficiência e qualidade técnica na tarde de quarta-feira, dia 31 de agosto, quando dois agentes da corporação detiveram dois homens que efetuaram um roubo a um carro modelo Celta na avenida Martin Luther King, em São Paulo, por volta das 15h30, e fizeram de refém uma criança de 1 ano de idade e sua tia, uma mulher de 48 anos.

De acordo com os GCMs Amauri de Araujo e Alexandria Cavalcante, que participaram da ocorrência, ambos em motocicletas, eles avistaram um veículo Celta trafegando na contramão na Avenida Martin Luther King quando deram sinal ao motorista para que parasse o carro. No entanto, assustado, o motorista tentou fugir, mas foi alcançado pelos GCMs na rua Estados Unidos, no Jardim Adalgisa, próximo à Praça Jardim Nova América.

O carro dirigido pelos criminosos colidiu com outro veículo e com uma caixa d’água da Sabesp. Com os danos no veículo, na fuga a pé, os bandidos, um menor de 16 anos e M.O.J., de 18 anos, invadiram o quintal de uma residência. Acuados, os criminosos começaram a disparar contra os guardas, que efetuaram dois tiros para intimidar a ação dos bandidos. Cercados, por outras viaturas, os dois se renderam jogando a arma calibre 38 sobre o telhado da casa.

Na delegacia, a vítima, em choque, explicou que havia realizado uma operação bancária no Jardim São Francisco, quando ao entrar no veículo foi abordada por um rapaz e seu comparsa, que bateram no vidro do carro e com uma arma a obrigaram a abrir o carro. Em relato, a vítima disse que os bandidos passaram a ameaçá-la de morte e também à criança, apontando a arma para a cabeça do bebê. A vítima disse que não tinha dinheiro e passou a ser ameaçada com mais intensidade.

O caso foi encaminhado para o 6º Distrito Policial de Osasco, na Vila Campesina. O delegado titular, Carlos Eduardo Vasconcelos, determinou a prisão dos bandidos por roubo seguido de seqüestro. O maior foi também indiciado pela Lei 8.069 do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), por corromper ou facilitar a corrupção de menor de 18 anos. O menor foi encaminhado para a Fundação Casa de Osasco. Já M.O.J. foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Osasco. Ambos ficarão à disposição da Justiça.

Com os criminosos também foi aprendida a arma e o cartão alimentação da vítima, no valor de R$ 300. A vítima teve ferimentos leves com o choque do veículo, mas passa bem. De acordo com o comandante da GCM de Osasco, Gilson Menezes, a criança também não corre riscos, já que estava sendo transportada corretamente na cadeirinha.

Rede Bandeirantes

O comandante da Guarda Civil Municipal de Osasco, Gilson Menezes, concedeu entrevista ao vivo na tarde de quarta-feira para o programa Brasil Urgente, do apresentador José Luiz Datena, e falou do treinamento dos agentes para alcançar sucesso nas ocorrências policiais. “Temos que ressaltar o ótimo trabalho dessa guarnição, que mesmo atacada não efetuou tiros ao veículo porque se o tivessem feito poderiam ter acertado a mulher e a criança. O preparo dos guardas de Osasco hoje é muito positivo em resposta aos anseios da população”, disse.

Na ocasião, Datena também reconheceu a qualidade do trabalho desenvolvido na GCM de Osasco. “Foi uma ação heróica dos guardas civis de Osasco. Parabéns ao comandante Gilson Menezes e toda sua guarnição. Se não fossem os valorosos homens da Guarda de Osasco o bebezinho e sua tia poderiam estar mortos. Em uma situação de alto stress a Guarda com muita inteligência soube contornar o problema e evitar um desastre de um bandido apontando a arma para a cabeça de um bebê”, finalizou.

Além disso, verifique

GCM de Osasco e Polícia Militar apreendem jovens em assalto no bairro Vila Yara

Na terça-feira, 14 de maio, a GCM de Osasco (Guarda Civil Municipal), com o apoio …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEGURANÇA * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.