Início / Avisos / Prefeito inaugura primeiro Batistério de Osasco

Prefeito inaugura primeiro Batistério de Osasco

Prefeito inaugura primeiro Batistério de OsascoO prefeito Emidio de Souza inaugurou, na manhã de domingo, 1° de junho, em uma cerimônia marcada por orações e apresentações de louvor, o primeiro Batistério do município de Osasco, no Parque Chico Mendes. Após a consagração do tanque batismal, foram batizados cerca de 210 fiéis provenientes das igrejas Quadrangular e Avivamento da Fé.

Para a construção do tanque batismal, que possui uma área de 150 metros quadrados, a Secretaria de Obras de Osasco revestiu o leito do córrego que corta o parque com pedras e construiu uma pequena barragem para represar a água. Dessa forma os fiéis poderão ser batizados com água corrente.

A solenidade reuniu mais de 1,5 mil fiéis e cerca de 100 pastores e obreiros de diversas denominações, que foram ao local conhecer o espaço que será utilizado para o batismo na cidade. “O povo de Deus não conhece denominação, porque são todos unidos pelo amor. Sou muito grato pela confiança desse povo, que nunca deixou de orar por mim. Digo sempre que o valor dessa obra não se pode medir em dinheiro, mas sim pelas vidas que serão salvas”, disse o prefeito Emidio.

Prefeito inaugura primeiro Batistério de OsascoTambém prestigiaram o evento o vice-prefeito Faisal Cury, o deputado estadual, Marcos Martins; os secretários municipais Gelso de Lima (Saúde), Jorge Lapas (Governo), Waldyr Ribeiro Filho (Obras e Transportes); o presidente da CMTO, Valdir Roque; o ouvidor municipal, Fernando Montini; o presidente da Câmara Municipal de Osasco, Osvaldo Vergínio, e os vereadores Rubens Bastos, Antônio Toniolo, Nelson Matias, Gilmar Romano e Dionísia Luvizotto, autora do projeto de lei que cria o Batistério; o presidente do Conselho dos Pastores, Reinaldo Mota, além dos pastores Vanderlei Antônio Amaral, Márcio Vegniano, Joel Moises e Djair Batista.

Além disso, verifique

22,5% da população de São Paulo consomem doces em excesso

Índice está acima da médica nacional, segundo pesquisa do Ministério da Saúde que alerta para …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SEGURANÇA * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.